domingo, 18 de setembro de 2016

Requisitos para ser uma pessoa normal







Requisitos para ser una persona normal é um filme espanhol, escrito e dirigido por Leticia Dolera, a qual também atua como personagem central do longa, Maria de las Montañas.

Maria é uma mulher de 30 anos, que acredita ser um grande fracasso por não preencher os requisitos para ser uma pessoa normal. Durante uma entrevista de emprego, ela foi levada a pensar sobre sua vida e criou uma lista de critérios para que uma pessoa seja normal. Esses itens são tudo o que ela acredita que precisaria conquistar para ser normal e ter uma vida plena: ter trabalho, casa, vida social, um namorado, hobbies e ser feliz.

Sua busca por ser uma pessoa normal a leva a conhecer Borja, um colega de trabalho de seu irmão, com quem ela acaba fazendo um trato: ele vai ajudá-la a cumprir os critérios da lista e ela vai ajudá-lo a emagrecer.

O filme é bem inusitado, a começar pela sua proposta: duas pessoas cujos perfis não se encaixam no ideal proposto pela sociedade tentam encontrar o seu lugar, tentam aparar suas arestas para caber nos moldes convencionais daquilo que deve ser uma pessoa feliz. Parte daí o tom do filme, que mostra o sofrimento que representa a busca por essa idealização e como encaixar-se nem sempre é o que traz a sonhada felicidade.



Há também muitas cenas divertidas e bizarras, que podem não arrancar altas risadas, mas que convencem e deixam um sorriso estampado no espectador. A trilha sonora também colabora para esse efeito, criando o clima certo para cada cena.

Os atores principais da obra (Leticia Dolera e Manuel Burque) fazem uma excelente dupla. É impossível não se encantar com as personalidades de seus personagens e não torcer para que eles encontrem seu lugar ao sol (mesmo que fique óbvio, já no começo da história, que os objetivos idealizados pelos dois não são aquilo que os fará felizes).

Requisitos para ser una persona normal é um filme sensível e divertido, perfeito para quem procura uma história alegre e original. Fica a dica para esse domingo.

OBS.: O filme está disponível na Netflix.

Um comentário:

Rosa Mattos disse...

oi Nicole, que coincidência, assisti ontem este filme na Netflix. Comecei a ver sem nenhuma expectativa e me surpreendi com a leveza, graciosidade, modernidade do estilo de filmagem e mensagem bacana que ele transmite. Recomendo também.

Beijos/Boa semanaa!