quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Um pouco de caos



Um pouco de caos é um filme de produção inglesa, dirigido por Alan Rickman (que também atua como Rei Luís XIV), que conta a história da construção de uma parte dos jardins de Versalhes. A personagem central é a atormentada Madame Sabine de Barra, uma figura singular por ser uma paisagista mulher. Sem se intimidar, ela expõe suas ideias ao grande mestre responsável pela elaboração do jardim do rei e acaba envolvida no projeto e na vida do Mestre Le Notre. Ao mesmo tempo em que tenta superar as expectativas, mostrando-se capaz de criar uma grande obra, Sabine precisa lidar com seus sentimentos e fantasmas.

Este é um filme sobre a superação, essencialmente, e sobre a força que supera as adversidades da vida. Inserida em um novo contexto social, que lhe é estranho, Sabine é uma mulher que tenta reconstruir-se e adaptar-se. Foi nesse foco que me concentrei ao longo da história.

A trama se desenrola lentamente, com mais foco no sentimento dos personagens do que na ação, o que pode soar maçante para quem prefere histórias de ritmo rápido. No entanto, vale destacar as reflexões que surgem enquanto conhecemos Sabine de Barra e acompanhamos sua superação.


Sendo um filme histórico, há todo um aspecto de cenários e figurinos que me agradou muito. Há locações lindas no filme, que me fizeram desejar estar lá. Além disso, os ambientes serviram para reforçar a ideia do caos em meio a multidão/corte versus a paz e serenidade dos espaços do campo.

O romance entre Sabine e Le Notre, apesar de ser importante para a trama, não é seu ponto principal e eu gostei disso. Gostei do foco em Madame de Barra e acho até que o filme poderia ter tido algumas partes mais voltadas exclusivamente para essa personagem que foi tão bem construída por Kate Winslet.

Vi bastantes críticas negativas depois de assistir, mas continuei firme na minha concepção de que Um pouco de caos não é um daqueles filmes épicos e inesquecíveis, mas valeu a pena pela história agradável e pelos belos cenários.


Nenhum comentário: